Top

O que você aprendeu em 2016 que vai usar em 2017?

O ano começou e vou trazer nessa primeira semana de 2017 uma série de vídeos especialmente para aqueles que desejam empreender na internet com seu próprio negócio online.

Começo com a participação de Chico Montenegro do OlheForaDaCaixa.com e Ivan Querino do EuDesenho.com, dois grandes empreendedores do mercado de cursos online que vão dizer pra gente o que aprenderam em 2016 que vão utilizar em 2017 e que você pode utilizar também em seu novo negócio.

Para eles, a formação de comunidades em torno de um mesmo tema é uma estratégia de crescimento e força que se mostra cada vez mais importante para quem deseja empreender com cursos online.

E você? O que aprendeu em 2016 que vai usar em 2017? Compartilhe com a gente aí nos comentários. 😉

Se você se interessou pelo mercado dos cursos online e não sabe por onde começar, comece por esse livro, “Como Ganhar Dinheiro com Cursos Online”, baixe agora clicando nesse link bonito aqui. 😉

Compartilhar

Bruno Ávila é publicitário e pós-graduando em Marketing com ênfase em ambiente digital pela FGV Brasília. Abriu sua própria agência em 1997, atendendo grandes clientes brasileiros. De 2001 a 2003 foi diretor de criação web do Grupo de Comunicação O Povo. Foi ganhador de três prêmios IBest, maior prêmio da Internet brasileira. Há 10 anos dirige a Ávila EAD, empresa voltada para soluções em educação a distância. Ministra cursos específicos sobre Design, Publicidade e Empreendedorismo por onde já passaram mais de 10 mil alunos. Bruno é autor do livro "Quero ser um Web Designer", um guia para os que desejam iniciar no mercado de web design.

6 Comments
  • Rosemar Andrade Bassani
    2 de janeiro de 2017 at 10:39

    GOSTEI DO VÍDEO..

  • Priscila
    2 de janeiro de 2017 at 13:50

    Muito bom, Brunoo! Esse é um grupo de mastermind? O Chico é muito feraa!! Acompanho demais as coisas dele.

  • Regina
    2 de janeiro de 2017 at 17:23

    Eu assisti a essa live e tem trechos que revejo, pois julgo ser importante para os meus objetivos. Obrigada, Bruno!

Escreva seu comentário